sexta-feira, 27 de maio de 2011

UFC 130 - Análise e Palpites


Os grandes eventos de luta sempre ajudaram Las Vegas a encher seus casinos, e neste sábado não será diferente. O UFC 130 acontece no MGM Arena e promete sacudir a cidade.

Pelo mundo, milhões de fãs do MMA acompanharão a 130º edição do maior evento de lutas do planeta. No MGM Arena, 12 mil espectadores lotarão as dependências do palco das lutas e assistirão a bons combates tanto no card principal quanto no card preliminar. Sem a disputa pelo cinturão dos Leves entre Frank Edgar x Gray Maynard, adiado por lesão de ambos os lutadores, o Main Event passou a ser o interessante duelo entre Quinton Rampage Jackson x Matt Hamill pelos Meio-Pesados e o Co-Main Event caiu de paraquedas para o duelo dos amigos Frank Mir x Roy Nelson pelos Pesados.

Acompanhe abaixo o card completo do UFC 130, a análise dos combates e o palpite da Legião:

Renan Barão x Cole Escovedo

O combate válido pelo Peso Pluma é uma excelente chance para o brasileiro Renan Barão provar ao mundo porque é tido como um dos principais talentos brasileiros no MMA. O brasileiro de 24 anos, assim como Escovedo, faz seu primeiro combate pelo UFC. Barão vem do extinto WEC, onde vinha se destacando com duas vitórias e por seu jogo sólido, e o americano já teve passagens por WEC, Strikeforce, DREAM e estava no Showdown Fights, onde venceu seu último desafio antes de migrar para o UFC.

O combate deve acontecer a maior parte do tempo no chão, já que o jiu-jitsu é o forte de ambos os lutadores. E por lá o brasileiro deve levar a melhor e surpreender o americano com seu jogo de chão justo e eficiente.

Palpite: Renan Barão vence por finalização.

Michael McDonald x Chris Cariaso

Duelo de americanos no card preliminar do UFC 130 e mais um pelos Plumas. McDonald vem de excelente vitória sobre Edwin Figueroa por decisão unânime na "luta da noite" do UFC Fight Night 24 e Cariaso, que já foi finalizado por Renan Barão no WEC 53, vem de vitória em sua estréia no UFC sobre Will Campuzano no UFC Fight For The Troops 2 em janeiro deste ano.

Dois lutadores que gostam da trocação e que prometem fazer um combate bem movimentado na parte de cima. No chão, McDonald leva vantagem e é pra lá que ele deve levar Cariaso.

Palpite: Michael McDonald vence por decisão.

Gleison Tibau x Rafaello Oliveira

Combate em verde e amarelo pelos Leves. Gleison Tibau, que sempre teve seu eficiente jogo agarrado contestado pelo público do MMA e que precisou perder 18 kg em duas semanas para bater seus 70 kg, é o favorito para o combate. Tibau substitui o lesionado Cody McKenzie no card preliminar do evento e vem de vitória sobre Kurt Pellegrino no UFC 128 por decisão dividida. O "Trator" Rafaello Oliveira  fará sua reestréia no UFC e substitui o também lesionado Bart Palaszewski no combate.

Os dois cascas grossas devem tentar derrubar o adversário e ficar por cima no jogo de chão. São dois faixas preta e por lá tudo pode acontecer. Quem arriscar mais na luta em pé e numa possível trocação pode levar a melhor no duelo e isso deve partir de Rafaello que é melhor na trocação.

Palpite: Rafaello Oliveira vence por decisão.

Kendall Grove x Tim Boetsch

Pelos Médios, mais um combate entre americanos. Kendall Grove, vencedor da 3º edição do TUF e que vem de derrota para Demian Maia por decisão unânime no TUF 12 Finale, luta para subir na categoria contra o experiente Tim Boetsch, que foi finalizado por Phil Davis no UFC 123 e também vem de derrota para o combate.

Grove é melhor na trocação e não pode ficar por baixo no jogo de chão, por cima leva vantagem com seu bom BJJ. Boetsch é um bom wrestler e trabalha muito bem seu jogo de ground and pound. Quem desempenhar melhor as suas qualidades no combate deverá sair como vencedor.

Palpite: Kendall Grove vence por finalização.

Miguel Torres x Demetrious Johnson

Grande duelo pelos Plumas. Duelo de lutadores que figuram entre os Top 10 da categoria. O ex campeão dos Plumas no WEC Miguel Torres enfrenta o talentoso Demetrious Johnson de olho no cinturão da categoria, que pertence a Dominick Cruz. Com 23 finalizações no cartel e 39 vitórias, Torres é aluno de Carlson Gracie Jr e apresenta um dos jogos de chão da categoria. Estreou no UFC com vitória sobre Antonio Banuelos por decisão unânime no UFC 126. Johnson de apenas 24 anos é um grande talento do MMA e vem de 3 vitórias seguidas na carreira, a última sobre Norifumi Yamamoto no UFC 126, marcou sua estréia no evento.

Combate muito equilibrado, mas a experiência de Torres pode fazer a diferença no chão.

Palpite: Miguel Torres vence por decisão.

Briann Stan x Jorge Santiago

O duelo pelos Médios marca o encontro de dois cascas grossa. O ex Capitão da Marinha Americana e herói dos EUA Briann Stan terá todo o apoio do MGM Arena e vem de excelente vitória por nocaute sobre Chris Leben no UFC 125. Anteriormente escalado para enfrentar Wanderlei Silva, o americano treinado por Greg Jackson tem as mãos pesadas, derruba muito bem e trabalha seu ground and pound com eficiência. O combate marcará o retorno do brasileiro Jorge Santiago ao UFC após 5 anos. Durante este período, o faixa preta em BJJ passou pelo Strikeforce e estava no Sengoku, onde lutou pela última vez em agosto de 2010 defendendo seu cinturão de campeão do evento. Este período foi bom para o brasileiro amadurecer mais o seu jogo, se tornando hoje um adversário perigoso na categoria.

Bom combate para testar o jogo de ambos os lutadores e tem tudo para ser um dos melhores da noite. Acredito numa trocação inicial e depois é chão por parte dos dois lutadores.

Palpite: Brian Stann vence por decisão.

Thiago Pitbull Alves x Rick Story

Mais um combate que promete ser muito bom. A encarada do combate válido pelos Meio-Médios foi uma prévia do que pode acontecer dentro do octógono. Após assombrar o mundo do MMA tratorizando a lenda Matt Hughes e vencendo por decisão unânime Josh Koscheck, o brasileiro teve sua chance pelo cinturão da categoria contra o campeão George St Pierre no UFC 100 e não aproveitou da melhor maneira sendo facilmente derrotado pelo canadense. Após esta derrota, Pitbull foi novamente derrotado, desta vez por Jon Fitch no UFC 117. Mas a recuperação do brasileiro veio no UFC 124 quando derrotou John Howard por decisão unânime. Rick Story vem de 5 vitórias seguidas e cheio de moral para o combate.

Dentro do octógono a faixa preta de BJJ e o melhor Muay Thai do brasileiro farão a diferença.

Palpite: Thiago Pitbull Alves vence por nocaute.

Stefan Struve x Travis Browne

O duelo entre os Pesados será também um duelo acima dos 2 metros de altura. Struve com 2,11cm e Browne com 2,01cm são os gigantes do UFC, em altura. O holandês Struve é o penetra da edição dominada por Brasil e EUA, e teve o "prazer" de estrear no evento contra Junior Cigano no UFC 95, quando sentiu o peso das mãos do brasileiro e foi nocauteado em menos de 1 minuto. Stuve tem um bom boxe e vem de duas vitórias seguidas no UFC por nocaute. Já Browne está invicto no MMA com 10 vitórias e 1 empate, este contra Cheick Kongo no UFC 120 em sua última apresentação no evento.

Combate difícil de chegar até o final dos 3 rouds. Browne é mais completo que o holandês, tem melhor jogo de chão e é um striker nato.

Palpite: Travis Browne vence por nocaute.

Frank Mir x Roy Nelson

Outro combate pela categoria dos Pesados e outro combate que não deve chegar ao final dos 3 rounds. O ex campeão interino Frank Mir vem de um combate fraco e pouco empolgante contra Mirko Cro Cop no UFC 119 onde fizeram o Main Event, porém Mir nocauteou a lenda Cro Cop com uma bela joelhada no finalzinho do combate. Nelson foi o vencedor da 10º edição do TUF, nocauteando Brendan Schaub na final do reality show do UFC, e chama a atenção pelo seu corpo nada atlético. Dono de uma vasta barriga, Nelson compensa a falta de um melhor preparo físico com uma potente direita que já fez estragos em Schaub, Struve e até mesmo em Cigano, na vitória do brasileiro sobre ele no UFC 117. Neste último combate, que também foi sua última apresentação, Nelson mostrou ser queixo duro, pois apanhou por 3 rounds e não foi nocauteado, perdendo por decisão unânime para o brasileiro.

O combate entre os dois amigos deve ter de tudo, trocação franca, quedas e jogo de chão. Ambos são bons na trocação e faixas preta em BJJ, porém Frank Mir é mais técnico tanto de pé como no chão, sem esquecer do melhor gás e ele deve ser decisivo para Mir no combate.

Palpite: Frank Mir vence por decisão.

Quinton Rampage jackson x Matt Hamill

O Co-Main Event que virou Main Event do UFC 130, após as lesões de Edgar e Maynard, coloca frente a frente um striker e um wrestler pelos Meio-Pesados. O ex campeão do UFC Quinton Jackson é uma lenda do esporte. Seus duelos memoráveis contra Wanderlei Silva no PRIDE e no UFC estão presentes na memória de qualquer amante do MMA. Rampage sempre enfrentou grandes adversários em toda a sua carreira como, Wanderlei Silva por 3 vezes, Sakuraba, Kevin Randleman, Murilo Bustamante, Chuck Liddell por duas vezes, Ricardo Arona, Murilo Ninja, Maurício Shogun, Dan Henderson, Forrest Griffin, Rashad Evans e Lyoto Machida. O duelo válido pelo UFC 123 contra Lyoto Machida, foi também sua última apresentação no UFC, quando venceu o brasileiro numa contestada e duvidosa decisão dividida. Matt Hamill também tem vitórias de expressão em seu menor cartel, como as que conquistou sobre Tito Ortiz e Jon Jones. Neste último combate, Hamill vinha sendo atropelado por Jones, mas a inexperiência do atual campeão dos Meio-Pesados fez com que ele disparasse uma cotovelada irregular em Hamill, fazendo de do adversário de Rampage o único homem a bater Jones na carreira. Hamill é um exímio wrestler e referência de superação no esporte. Hamill é surdo e foi o 1º e único campeão com esta deficiência da NCAA, tradicional competição de wrestling dos EUA.

Os lutadores entrarão no octógono para explorarem o que tem de melhor em seus jogos. Rampage buscando sempre a trocação e Hamill a luta no chão, onde Rampage é menos perigoso. Dentro de suas qualidades, os lutadores poderão fazer a diferença no combate e nessa o eficiente jogo de Hamill deve prevalecer.

Palpite: Matt Hamill vence por decisão.


O Canal Combate transmite ao vivo o card principal e os duelos entre Miguel Torres x Demetrious Jonhson e Kendall Grove x Tim Boetsch pelo card preliminar do UFC 130 a partir das 21h. Os outros combates do card preliminar serão transmitidos pela página oficial do UFC no Facebook. A Legião MMA acompanhará, em tempo real, todos os combates do UFC pelo Twitter da Legião, http://twitter.com/#!/legiao_mma.


video

2 comentários:

  1. Renan Barão por finalização
    Michael McDonald por nocaute
    Gleison Tibau por decisão
    Tim Boetsch por KO(Talvez o da noite)
    Miguel Torres por decisão
    Jorge Santiago por finalização
    Pitbull Alvez por nocaute
    Travis Browne por nocaute
    Roy Nelson por nocaute
    Rampage por decisão

    ResponderExcluir
  2. Pitbull Alvez por nocaute
    Travis Browne por decisao
    Roy Nelson por nocaute
    Rampage por nocaute

    ResponderExcluir